Se você tem diabetes fique atento a essa doença ‘silenciosa’

Autor(a):

As pessoas com diabetes não tratados têm maior probabilidade de desenvolver problemas oculares como a retinopatia diabética ao longo do tempo.

A retinopatia diabética é uma doença metabólica caracterizada por altos níveis de açúcar no sangue, que causam danos à retina, resultando em perda gradual da visão.

A retinopatia diabética não tratada pode levar à cegueira completa. O diagnóstico precoce e o tratamento são imperativos para retardar a progressão da perda da visão.

O início da retinopatia diabética é mais rápido em pacientes mais jovens, e a perda de visão pode ser rápida. Muitos pacientes com retinopatia diabética não notam nenhuma mudança em sua visão até que a doença esteja bastante avançada.

A retinopatia diabética é um problema grave dos olhos que ocorre a um grande número de pessoas que têm diabetes.

É a causa mais comum de cegueira entre os 20 a 74 anos de idade. Para prevenir a retinopatia, é importante fazer um exame oftalmológico de rotina todos os anos se você tiver diabetes, ou ainda melhor, fazer um exame oftalmológico quando for diagnosticado com diabetes.

Sintomas da retinopatia diabética

Incluem diminuição da acuidade visual, visão turva, manchas flutuantes ou “moscas”, flashes, perda parcial ou completa da visão.

Causas da retinopatia diabética

Esse problema de saúde está intimamente relacionado ao próprio tratamento do diabetes, causado por alterações nos vasos sanguíneos da retina relacionadas à duração e tipo da doença, e por níveis persistentemente elevados de açúcar no sangue.

A prevalência da retinopatia diabética varia com o tipo de diabetes (tipo 1 ou 2) e anos de evolução.

Assim, após 20 anos, a maioria (98%) das pessoas com diabetes tipo 1 apresenta lesões e cerca de metade das pessoas com diabetes tipo 2 apresentam lesões, o que pode levar a outras duas doenças oculares causadas pelo diabetes que são o glaucoma e a catarata.

Tratamento da retinopatia diabética

A melhor maneira de tratar a retinopatia diabética é controlar os níveis de glicose no sangue, o que reduz bastante o risco de perda de visão a longo prazo.

O tratamento geralmente não cura a retinopatia diabética, mas pode reduzir alguns sintomas e retardar a progressão da perda de visão.

Continuar Lendo ->

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!